Do you speak English? | Parlais vous Français?

manobra de Kristeller - ou quando te saltam para a barriga para empurrar o bebé à força!


apetece-me lá ir e bater-lhes cada vez que me lembro da médica, aos gritos de esforço, a fazer força na minha barriga. E aquela gente toda a olhar e a falar ao mesmo tempo e eu sem conseguir respirar e a tossir de falta de ar e... para o inferno com todos eles, é o mais simpático que me ocorre escrever!

Como é que não haveria de ter ficado com lesões pós parto que, até hoje, me atormentam?



Mais infos:

http://www.scielosp.org/scielo.php?pid=S1413-81232005000500023&script=sci_arttext

http://porunpartorespetado.espacioblog.com/post/2008/08/23/maniobra-kristeller

http://porunpartorespetado.espacioblog.com/post/2008/08/23/maniobra-kristeller

4 comments:

  1. Vi o vídeo e fiquei horrorizada. Que bestas quadradas! Não há outro nome para tal. Lamento imenso que tenhas passado pelo mesmo. :(

    ReplyDelete
  2. Esta é uma das mensagens mais lidas no blog. às mamãs que passaram por esta manobra, se quiserem partilhar as vossas experiências, serão publicadas no blog.
    Abraços Maternos

    ReplyDelete
  3. Fizeram-me o mesmo. Nem sabia que tinha nome, pensava que era apenas uma tentativa "desesperada" da médica para acelerar o parto. Quase desmaiei, com a falta de ar (e afinal tinha um sopro cardíaco não diagnosticado, portanto mais tarde vim a saber por outra médica que até podia ter morrido durante a manobra). Foi o único trauma que me ficou de um parto de 16 horas e sem anestesias (nem doulas). Tudo o resto passou, menos a angústia que vivi naqueles momentos. Quando li este texto, a recordação voltou a agredir-me. Nem consigo ver o filme.

    ReplyDelete
  4. Lamento muito Maryam,

    também eu não consigo ver o filme e já não sou capaz de ler o que escrevi. Nem sei se ainda concordo com a descrição que fiz ou se ela ainda corresponde à minha recordação.

    Estou contente por, na altura, o ter escrito. Tenho pena de nunca ter ido à maternidade pedir o meu processo para verificar o que lá escreveram.

    Gostaria muito de juntar um grupo de mães para fazermos um ritual de cura dos traumas do parto. Espero que esteja para breve.

    Abraços de luz.

    cm

    ReplyDelete