Do you speak English? | Parlais vous Français?

A vida é o curriculo - 4 anos

Não experimentes nada do que aqui está escrito se não acreditares. Nem percas tempo a ler e reler. Se te parecer "estranho" ou "absurdo", fecha esta página e verás que, dessa forma, não haverá tempo nem espaço (perdidos em)para críticas.

Mesmo que não te sintas motivada/o para ensino doméstico, radical unschooling e/ou educação Waldorf algumas das ideias e links que aqui partilho, e que se servirão de inspiração para a nova aventura dos "4 anos", podem ser interessantes para ti.

 
 Ritmo diário:

Gosto de pensar no ritmo diário com flexibilidade, se não temos horários escolares e laborais a cumprir porque não dormir até à hora que nos for necessário, ou até quando nos apetecer? Como não dependemos de outras pessoas para nos organizarmos, podemos orientar os nossos dias em função das estações do ano (no inverno as crianças sentem sono mais cedo, já repararam?) e suas celebrações ou em função das novas descobertas que vamos fazendo. Para quê interromper um projeto de Lego ou um filme só porque é "hora de ir dormir"?  Para quê determinar uma "hora de ir dormir" se não há "hora de acordar-vestir-comer-ir-para-a-escola" no dia seguinte? Mais sobre a hora de dormir, como eu a vejo, aqui.

Ao longo do dia, incorporar as diferentes necessidades de adultos e crianças, criar espaço para novidades e acontecimentos inesperados.
  • Saudar o dia "bom dia mundo, bom dia alegria, bom dia meu amor...";
  • Espreguiçar, acarinhar;
  • Ouvir musica
  • Higiene matinal (sem forçar);
  • Pequeno almoço;
  • Ler, conversar;
  • Brincar;
  • Actividades domésticas;
  • Almoçar;
  • Passear, andar de mota (aka kokua), compras, brincar com amigos, horta;
  • Lanchar;
  • Brincar;
  • Banho (divertido, com muitos bonecos e espuma SFF);
  • Tarefas domésticas;
  • Despedir do dia "olá noite, adeus dia, obrigado/a pelos momentos de alegria" - nomea-los;
  • Acender velas;
  • Jantar;
  • Brincar;
  • Ler, conversar;
  • Lanchar;
  • Dormir.
Idealmente, o meu filho acordaria umas duas horas depois de mim e iria dormir cerca de duas horas antes de eu me deitar. Assim teria tempo para registar os sonhos, meditar e orar pela mãe terra, fazer o oil pulling e krias, fazer yoga, seguir o protocolo das Obsidianas, ler, escrever, actualizar este e o outro blog, fazer preparativos de refeições e actividades diárias, cuidar de mim, da casa, das roupas, dos gatos, namorar, trabalhar aqui, aqui e aqui... Quem sabe é este o ano em que consigo cumprir com este(s) objectivo(s)? 


Ritmo semanal (exemplificativo):
  • (Sab) 
    • Azul
    • Milho
    • Saturno
    • Mirra
    • Terra
    • Enraizar/ ordenar/ ritualizar/ términos
    • Fazer sopa, preparar semana, praia/ rio/ floresta
  • (Dom)
    • Branco
    • Trigo (aka espelta ou kamut)
    • Sol
    • Franckincense
    • Fogo
    • Movimento/ força/ poder
    • Praia/ rio/ floresta
  • (Seg) 
    • Lilás
    • Arroz 
    • Lua
    • Jasmim
    •  Água
    •  Emoções/ Ilusão/Paz/ Fertilidade/ Harmonia/ Magia/ Meditação
    • Selene/ Freya
    • Fazer pão, escrever cartas, desenhar, pintar horta
  • (Ter) 
    • Vermelho
    • Cevada
    • Marte
    • Cravinho
    • Fogo
    • Acção
    • Deus Marte
    • Paixão/ protecção/ Coragem
    • Passeio pela vizinhança, compras  
  • (Quart) 
    • Amarelo
    • Millet
    • Mercurio
    • Copal
    • Ar
    • Comunicação
    • Actividades mentais
    • Museu/Biblioteca 
  • (Qui)
    • Côr-de-laranja
    • Centeio
    • Jupiter
    • Cedro
    • Fogo
    • Abundância
    • Prosperidade/ crescimento/ expansão
    • Explorar a cidade/ região 
  • (Sex) 
    • Verde
    • Aveia
    • Venus
    • Rosa
    • Ar
    • Deusa Afrodite
    • Fertilidade/ Amor/ paixão
    • Relaxar, cuidar da casa, horta, pizza nigth

Ritmo Mensal:
  • Aprender canções relacionadas com a estação do ano;
  • Aprender rimas relacionadas com a estação do ano;
  • Fazer teatros, fantoches relacionados com a estação;
  • Criar uma mesa das estações do ano que se renova mensalmente - elementos do ar, terra, fogo água que surjam nesse mês/ estação;
  • Escolher um alimento, confecciona-lo e contar uma história a ele associada;
  • Pesquisar e aprender sobre as fadas de cada estação;
  • Preparar as celebrações de cada mês e celebrar - contar história, cantar, desenhar, pintar, fazer refeição alusiva...
  • Criar um calendário no qual marcamos aniversários e celebrações importantes na família/ comunidade, colamos folhas e imagens alusivas ao mês, pintamos, desenhamos, inserimos actividades e descobertas desse mês;
  • Criar um blog e actualizar com fotografias dos momentos mais significativos do mês;
  •  Visitar familiares mensalmente.

Ideias a reter:

  • Confia no processo de aprendizagem, acredita que a criança está a aprender, mesmo quando não mês a apredizagem a decorrer;
  • Quando observares um momento de aprendizagem, não nomeies o facto que pensas ter sido aprendido naquele exacto momento. Permite que a aprendizagem flua livremente, sem ser apontada externamente. Se achares pertinente e te parecer que interessa à criança em questão, procura novos pontos de interesse relacionados e apresenta-os;
  • Não cries expectativas sobre o que vai ser aprendido com determinada actividade. Mais aqui.
  • Conversa com os teus filhos de forma clara, no mesmo tom de voz e com a mesma entoação que falarias com outros adultos;
  • Responde de forma criativa a todas as questões;

  •  Livra-te de tudo o que tenhas em casa e que não tenha sido utilizado nos últimos 12 meses, cria espaço;

  • Sê criativo/a, interessado/a, alegre, curioso/a....;
  • Dedica-te a aprender o que gostarias de saber e não sabes. Se não sabes o que gostarias de aprender, começa a pesquisar;
  • Conta tudo o que for passível de ser contado;
  • Canta/ recita rimas - tradicionais portuguesas e Rainbow;
  • Explora o que despertar a curiosidade da criança com leituras, vídeos, jogos, visitas, roll playing, conversas. Sobretudo, não ficar retida num currículo ou estrutura, por mais perfeito que possa parecer. Mais sobre experiências falhadas - ou não -  na aplicação de cv's em homeschooling, aqu;
  • Deixa a criança brincar de forma livre, não pretender que se interesse pela nossa ideia de construir uma tenda ou casa de fadas. Dar tempo à criança para explorar, contemplar sem pressões ou ideias impostas, sem certos ou errados;
  • Não forces conversas, a maioria das actividades criativas não requerem conversações;
  •  Não exijas eficácia ou eficiência. Brincar não requer nenhuma das duas, aprender também não;

  • NÃO CRITIQUES. Se o que vais dizer é uma crítica, para, respira fundo, canta, muda de assunto, morte a língua, dá uma volta ao quarteirão ou sobre ti mesma mas, não fales.

  • Respeita os tempos da criança. Não pretendas que, por exemplo, pare no passeio para observar um formigueiro apenas quando consideras conveniente. A aprendizagem dá-se quando a criança está receptiva e não quando é feita dentro de horários pré-estipulados. Se não tivermos flexibilidade suficiente para re-orientar os nossos dias em função dos interesses dos nossos filhos, para que serve não estarem na escola?

  • Conversa com os anjos e seres elementais;
  • Agradece à mãe-terra e ao pai sol, aos deus e à deusa;
  • Agradece cada refeição com um verso cantado; 

  • Executa as tarefas domésticas com amor e não como uma obrigação. Se te for difícil, começa por, diariamente, agradecer o facto de teres uma casa que possas limpar, alimentos que podes confeccionar para alimentar a tua família, roupas para lavar e engomar. Agradece o facto de teres água e luz que te ajudam a manter a casa limpa... agradece viveres no seio de uma família, teres marido/ mulher e filhos que vivem contigo e cuja desarrumação é sinónimo de vida. Agora já te parece mais fácil?
  • Respira;
  • Sente e vive em abundância e gratidão
  • Observa os teus filhos e marido/ mulher, com amor, sobretudo quando te sentires irritado/a;
  • Canta.
  • Define por que princípios te reges e por que princípios queres que os teus filhos se guiem. Uma vez definidos os princípios deixa que estes orientem os teus pensamentos, palavras e acções. Dirige-te a eles sempre que necessites de tomar decisões
  • Livra-te de todos os "tenho que" pensados, escritos, verbalizados, impostos sobre ti mesma/o ou sobre os outros. 

Ideias de Actividades:

Quando escolheres uma actividade pensa se o estás a fazer para/ por ti ou para/pela criança. Se o interesse for teu e não da criança, tenta pensar noutras formas de preencher a tua necessidade e que não passe por impor os teus gostos, desejos a terceiros. 

em casa:

  • brincar
  • ler
  • desenhar
  • pintar
  • colorir
  • Legos 
  • blocos de construção
  • jogos de tabuleiro
  • jogos de computador
  • plasticina
  • ouvir musica, dançar
  • tocar flauta, harpa, piano, guitarra...
  • ouvir historias
  • desenhos animados - longas metragens
  • teatralizar trechos de filmes
  • cozinhar
  • participar nas tarefas domésticas 
  • construir mesa da natureza
  • expor trabalhos
  • vestir de personagens conhecidas ou inventadas
  • yoga
  • monkey platters
  • contar histórias e desenhar a giz
  • construir a casa das fadas, alimentar as fadas...
  • fazer velas
  • fazer óleos, cremes
  • fazer gelados
  • Explorar os jogos com fios
na rua:
  • brincar com lama
  • recolher folhas, flores, conchas, pedras
  • escalada
  • karaté ou judo
  • yoga
  • observar formigas, aranhas, lagartos
  • observar flores, arbustos e árvores, saber os seus nomes, propriedades curativas, provar caso sejam comestíveis, reconhecer odores, texturas, cores
  • recolher sementes, pinhas ... 
  • fotografar
  • durante as compras, na rua, construir barcos, carros, casas com as caixas da mercearia
  •  na horta, criar um tepee de legumes de estaca - feijão verde, tomate...
  • na horta, criar uma caixa de terra/ lama para brincar
  • pintar na rua, com giz
  • caça ao tesouro
do Pinterest:

Actividades 3 aos 5 anos -  http://pinterest.com/kdsukut/pre-school-3-5-years-old/

Ritmos e Rotinas - http://pinterest.com/ahappymamabear/rhythm-routine/


Pesquisas ED de inspiração Waldorf:

Introdução ao ED Waldorf -  http://www.thehomeschoolmom.com/blog/homeschoolingstyles/introduction-to-waldorf-homeschooling/#sthash.emzBxeqB.dpbs


Organização e ideias de actividades - http://thewonderofchildhood.com/2011/06/homeschooling-get-organized/

Agenda para planificação - http://sarahs-serendipity.blogspot.pt/2012/12/waldorf-homeschool-planner-magic-hollow.html

O ritmo anual - http://www.celebratetherhythmoflife.com/2011/01/rhythm-of-year.html

Bibliografa sugerida e artigos temáticos - http://www.thehomeschoolmom.com/teacherslounge/styles/waldorf.php#sthash.fTbRvBrk.dpbs

Ritmos nos primeiros anos de vida - http://thewonderofchildhood.com/2011/06/rhythm-in-the-early-years/


Artigo sobre a educação da criança à luz da antroposofia - http://wn.rsarchive.org/Articles/EduChild/EduChi_essay.html

De regresso à natureza - http://www.thehomeschoolmom.com/blog/homeschoolingstyles/waldorf-method/nature-based-learning/#sthash.PlznklNL.dpbs

Community based learning - http://www.thehomeschoolmom.com/blog/homeschooling/authentic-learning/#sthash.wvGrbZbR.dpbs

Versos do Calendário da Alma - Steiner -  http://antroposofi.org/TomMellett/

Rudolf Steiner Archives - http://www.thehomeschoolmom.com/blog/homeschooling/celebrate-homeschooling-with-a-not-back-to-school-party/#sthash.mDuGtXOY.dpbs

Rudolf Steiner Lectures - http://rudolfsteineraudio.com/

Currículos a explorar:

morestarfall.com


Starfall.com  

Time4Learning

http://weefolkart.com/content/homeschool-companion-guides

BrainQuest


FreeHomeschoolDeals.com  

 ABC mouse

Jumpstart

Dragonbox 5+ and 12+

http://www.oakmeadow.com/

Early Education at Home by Jean Soyke

Singapore math

 http://www.christopherushomeschool.com/First-Grade-Package-p/chr1001.htm


Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

4 anos, e agora?

Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Supostamente engraçado

Recebi, através de um meio cuja informação leio atentamente, uma lista de dizeres infantis engraçados  e, por isso, li-os a pensar quye ia rir um bocado descontraídamente.

O que encontrei foi o retrato de inumeras famílias com relacionamentos adversariais entre os pais, entre os pais e avós e destes para com as crianças. O que encontrei foi uma sicessão de faltas de respeito de adultos críticos, preconceituosos, pouco afectivos e preguiçosos.

Aqui o original

Aqui os meus comentários em resposta:

1.Jamais uma mãe deveria dizer,  em frente a um filho que alguém é chato, seja avó ou qualquer outra pessoa. Cabe-nos orientar os nossos filhos para que sejam empáticos.

2. Quem mostra às crianças que há pessoas feias e pessoas bonitas? elas não nascem a achar que existem pessoas feias, aprendem pelo caminho...

3. Quem denomina algo de porcarias para que as crianças o repitam? Se de facto eram porcarias não deviam estar no frigo, se não eram porcarias e a criança o diz, aprendeu com alguém a ser crítica em relação à comida.

4. que pai mais insensível. muito bem esteve acriança.

4. Quem definiu o que é arrumado e desarrumado, na vida da criança, ao ponto de ela julgar os outros por esses parâmetros rígidos?

5. se a mãe visse ralhava com a amiga? batia? o que fará a mãe com a criança?

6. tem piada e é inocente ...

7. e...? tapar a boca porquê? continuamos a reproduzir esteriótipos.

8. hahahha a mãe desatinar com o pai por fazer cocó durante muito tempo é digno de ser mencionado. Ha quem desatine com tudo, pena a criança ter que assitir a isso.

9. comentário muito simpático :)

10. um sentimento a ser validado e é fulcral encontrar estratégias para o minimizar.

11. que pena. assim se aprende a mentir

12. e...? toda a gente dá. porquê fazer disso tabu?

13. Ninguém devia mandar em lado nenhum, são famílias e não empresas. Está só a verbalizar a relação hirarquica e adversarial em que vive.

14. Que pena. O pai perdeu uma excelente oportunidade de se conectar com a criança e a fazer feliz. Ao adormecer deixando-a à espera, desiludiu-a e contribuiu para o afastamento entre os dois. A nossa viuda faz-se da acomulação de experiências, cabe aos adultos deternminar se serão experiências positivas ou negativas.

Os seguintes foram copiados integralmente do nosso facebook. São desabafos de qureidas mamãs:

15: se tinha, qual o problema?

16. Que pena. Escarnio e maldizer faz de nós piores pessoas, não traz fecvilidade a ninguém e não é um bom exemplo para os nossos filhos. É algo a evitar, mesmo que por mensagem.

17. que pena. Os filhos deveriam pensar que os pais lhes dão tudo aquilo de que necessitam e não que são seus inimigos e os fazem sofrer só porque sim. A mãe podia ter aproveitado para dizer " vamos agora comprar umas sandálias" e iam nem que fosse comprar uns chinelos de dedo baratinhos. A vontade de sair da loja e deixar a miúda sozinha é a única coisa descabida desta situação.

18. ... critica, critica, critica...

As crianças que dizem estas coisas estão a imitar adultos que não se sabem comportar e que não pensam antes de falar. 

  
Na maioria dos casos, trata-se de grandes faltas de respeito dos adultos para com o próximo e para com os seus filhos. 
 
Pena que se riam em vez de aproveitarem que dizem as crianças para analisar o que podem melhorar nas vossas vidas.


Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Um bom conselho



e várias boas dicas aqui e aqui

Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Uma hora e 51 minutos depois

Neste link

Gosto tanto, tanto, tanto, tanto dela... há alguns anos sonhava que ia ganhar muito dinheiro e traze-la cá, com todos os seus grandes amigos, num mega concerto, gratuito. Sonhava isto noite após noite hahahahh seria engraçado. Sonhava todos os pormenores, desde o primeiro contacto, ao último aplauso. Figurati

Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Piolhos

Surgem frequentemente nas crianças porque se deixam invadir demasiado pelo mundo adulto. Sentem-se obrigadas a não serem elas mesmas para serem amadas pelos adultos.

Não deves forçar-te a ser outra pessoa para seres mais amado/a.

Não te deixes "parasitar" nem por putras pessoas, nem pelos teus pensamentos e pela tua forma de vida.*


Conhecem receitas para os eliminar? Se sim, por favor, partilhem nos comentários.

* O Teu Corpo Diz "Ama-te"  - A metafísica das doenças e do mal-estar - Lise Bourbeau



Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Horta do Monte























Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

Free to learn


"Mamã, está lista é uma lista com letras que explicam o que os fantasmas gostam de comer. Vou ler para ti: 
- ranhoca mal cheirosa;
- macacos do nariz;
- vidos de tijijão partida;
- laranjas podes;
- sapatos com chulé;
Esta é uma lista a sério, com coisas que os fantasmas a sério gostam de comer""Mamã, esta lista, é uma lista com letras, que explicam o que os fantasmas gostam de comer. Vou ler para ti: 

- ranhoca mal cheirosa;
- macacos do nariz;
- vidos de tijijão partida;
- laranjas podes;
- sapatos com chulé...
 
Esta é uma lista a sério, com coisas que os fantasmas, a sério, gostam de comer"

 Free to Learn - Pam Laricchia  - http://www.livingjoyfully.ca/

E, nem de propósito, estamos mesmo a ver o Harry Potter 

http://jual.nipissingu.ca/images/V111-Harry_Potter_map.jpg




O que significa que, entretanto, a "ranhoca mal cheirosa" é de Troll.

Mind Map do Harry Potter aqui.


Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida