Do you speak English? | Parlais vous Français?

O mês da Gratidão



 
A gratidão é uma das mais importantes práticas espirituais e uma das mais esquecidas.

Parece tão simples, agradecer o que temos, somos e fazemos que nem dados grande importância mas, é mais difícil do que parece. Sem persistência e prática quotidiana, podem passar meses sem pararmos para agradecer a vida que existe em nós.

Há quem passe a vida inteira sem ter a oportunidade de perceber a sacralidade da existência, o milagre de cada inspiração e expiração. Há quem só perceba que repsira quando está constipado, com apneia ou quando está a morrer...

Porque estamos num contexto geográfico, económico e social em que impera o lamento e se sente vergonha da felicidade, é urgente mudarmos o nosso comportamento e abraçar a gratidão.

Novembro é o mês da descida às sombras, da hibernação, do recolhimento, da viagem interior, é o mês perfeito para iniciar a prática de gratidão.

Há quem tenha uma pedrinha de gratidão na mesa de cabeceira e a toque antes de dormir, pensando em 3 coisas pelas quais está agradecida. (Grata Sara Vale, lembro-me sempre de ti quando penso na pedra. A minha é imaginária).

Eu gosto de, ao fim do dia, ir com o meu filho acender velas pela casa e entoar os versos:

"Olá noite, adeus dia, obrigada pelos momentos de alegria" (Grata Inês Duarte pela sugestão). Este pequeno ritual também nos ajuda a relembrar as actividade se vivências do dia e prepara-nos para o periodo mais tranquilo da noite.

Quando nos lembramos, gostamos muito de cantar os versos aprendidos no rainbow:

"obrigada pela comida, obrigada pela comida, que nos cura, nos cura, nos cura-a-a" e que se extende a tudo o que gostamos como "obrigada pelo zorro, obrigada pelo zorro..."

Criei um blog onde partilho fotografias dos momentos mais extraordinários dos nossos dias. Todos os dias fotografo alguma coisa maravilhosa que sinto ser importante agradecer. Pode ser um sorriso, um desenho, uma palena de comida, uma cama quentinha... Especialmente nos dias que parecem não estar a "correr bem" esforço-me por encontrar o que fotografar e partilhar no blog. Agora, quando olho para todas aquelas fotos só posso gritar ao muito que a nossa vida é maravilhosa e excecional. Muito, muito grata a tudo e todos os que nela participam e para ela contrinuem, directa ou indirectamente.

Mas, voltando a Novembro - mês da gratidão - encontrei uma proposta de celebração, dia-a-dia, que me agradou muito.

Todos os dias do mês, agradecemos algo e fazemos uma acção de agradecimento. As propostas são meramente indicativas e podemos substituilas por algo mais do nosso agrado. Podemos também iniciar a celebração a meio do mês e ir fazendo os agradecimentos anteriores ao longo dos dias que faltam para terminar o calendário.

É um calendário de agradecimento e conscientização que precede o calendário do advento - que a maioria de nós so conhece pelos calendários com chocolates - e que nos prepara para uma celebração do Advento e Natal que seja mais do que prendas e doces.

Fiz uma adaptação do calendário de Gratidão original, recheada da pesquisas e ideias.

Nov. 1 (Dia de Todos os Santos) : Senta-te ou deita-te, de olhos fechados, e conecta-te com a tua respiração e batida do coração. Inspira e expira até te sentires tranquila. Agradece aos teus ancestrais, aos teus avós e teus pais, por terem vivido e te terem dado vida. Agradece a ti mesma por existires, por estares aqui, agora. Reconhece e abençoa as tuas qualidades. Reconhece também os teus defeitos e compromete-te a encontrar formas de os curares. Abraça-te em reconhecimento pelo ser maravilhoso que és. Esta música ajuda-me a conectar-me com tudo o que há de bom no mundo - http://www.youtube.com/watch?v=4IFlaG45xM8&feature=BFa&list=ULhWj8yY_e7c0

Nov. 2: Lembra-te das coisas "más" que estão a acontecer na tua vida e agradece-lhes pelas lições que estás a aprender com elas. Integra e perdoa o que de netativo de possa estar a acontecer. Perdoa-te por estares nessa situação. Só com perdão e aceiitação podes parar de resistir ao que é "mau" e passar a procurar o que é "bom". Tudo o que sentimos como negativo tem um lado positivo. Da mesma forma que não adianta de nada lutar contra a escuridão, não adianta de nada lutar contra o que não queremos. O que podemos fazer é acender a luz, trazer para a nossa vida aquilo que desejamos. O conto da "Pequena Alma e o Sol" pode-te ajudar a compreender porque é importante agradecer e perdoar o que é negativo.

Nov. 3: Encontra uma forma especial de expressar a tua gratidão a uma parte do teu corpo, podes dar uma massagem aos teus pés, explorar o teu ciclo menstrual preparando um calendário lunar feminino ou ser mais ousada e experimentar o Ritual da Yoni Divina;

Nov. 4:  Agradece o amor de todos aqueles e aquelas que te amam, nem lhes exigir nada em troca. O amor que nutrem por ti é um milagre. Se tens filhos, conecta-te com o momento em que nasceu ou com a primeira vez em que o(os) viste como seres divinos e frágeis, nas tuas mãos. Lembras-te do seu olhar do tamanho do mundo? Traz esse momento e esse sentimento para o presente e invoca-o sempre que te sentires a criticar ou avaliar negativamente os teus filhos. Coibe-te de expressares sentimentos negativos face aos teus filhos, sejja em público ou em privado, seja verbalmente ou por escrito. Os teus filhos amam-te e só querem o teu amor e aprovação. Faz um agradecimento público à pessoa que mais te ama e mais apoio te dá. Pode ser via facebook -http://www.facebook.com/TheAttitudeOfGratitude;

Nov. 5: Enquanto comes, agradece a refeição que saboreias. Come lentamente e mastiga bem os teus alimentos. Cada alimento que ingeres transformar-se-á na tua carne e no teu sangue. Imagina os alimentos a seguir o seu percurso pelo trato digestivo e a ter uma acção curativa e fortificante em todo o teu ser, tanto físico como espiritual;

Nov. 6: Faz um passeio silencioso e meditativo em tua casa. Para e faz orações de gratidão por todas as boas experiências que tiveste em casa divisão. Agradece o abrigo, o conforto, a protecção que as suas paredes te dão; (Se desejares conhecer rituais de harmonização do teu lar, aconselho vivamente a leitura do trabalho da Sofia Batalha - Serpente da Lua - http://serpentedalua.com/category/feng-shui/artigos/)


Nov. 7:  Escolhe uma coisa que utilizas todos os dias - a tua caneta favorita ou uma panela ... - e faz-lhe um agradecimento e reconhecimento pela ajuda que te dá. Imagina toda a energia que foi movida para que esse objecto chegasse a até ti, desde a matéria prima até à sua forma final e agradece aos milhões de pessoas que estiveram envolvidas na materialização desse objecto que agora te acompanha. Inspira-te na históri quantos milhões de pessoas são necessárias para fazer um lapis. Esta frase é também muito inspiradora "When I tell my wife, “You made a very nice meal,” she is quick to reply, “I didn’t grow any of it. I just put it together.”"

 Nov. 8: Lava o teu carro, limpa o teu telefone, computador ou outros aparelhos electrónicos, estima-os para que durem muito tempo. Agradece por viveres numa era em que existe esta tecnologia e por fazeres parte da percentagem reduzida de pessoas que pode dela usufruir. Nem todas as pessoas que lidam com os vários componentes de um objecto tecnológico podem dele usufruir, vê o que acontece na China e no Ruanda.

Nov. 9:  Agradece pela paz que vives e por todos os elementos pacificadores na tua vida, podem ser pessoas, lideres espirituais... Participa, conhece e divulga no Global Grace Day e suas iniciativas - http://www.global-grace-day.com/

Nov. 10: Agradece aos teus animais de estimação pela companhia e dedicação. Passa algum tempo a dar-lhes atenção exclusiva, pentea-los, fazer festas, lavar aposentos, dar comida. A Marta Sofia Guerreiro é uma médica veterinária que alia os conhecimentos das ciências à mediunidade fazendo consultas integrais para os nossos animais e nossa família. Em todo o país - http://www.martasofiaguerreiro.com/index.html

Nov. 11: . Dá a outra pessoa uma prenda que tenhas recebido mas nunca tenhas utilizado. Inspira-te na criatividade de São Martinho para fazeres esse objecto chegar às mãos que dele necessitam. Agradece pela abundância na tua vida;

Nov. 12: Escreve uma carta a um ou mais familiares de quem gostas muito e que já não vez há muito tempo, agredecendo pelo seu papel no círculo familiar;

Nov. 13: Agradece a um amigo ou amiga que está sempre disponível para ti, oferecendo-lhe um CD com as tuas canções favoritas ou um livro que tenha mudado a tua vida. Se for uma amizade virtual, pede-lhe a morada para enviar pelo correio;

Nov. 14: Presta um serviço a um vizinho, amigo, desconhecido que necessite de apoio. Pode ser ajudar a atravessar a rua, ir às comrpas para a viziznha de idade, visitar um vizinho que foi para um lar, pôr o lixo do prédio na rua...;

Nov. 15: Mostra aos activistas da tua comunidade que estás grata pelo seu trabalho, oferecendo algum bem ou serviço para a sua causa. O serviço pode ser prestado noutra altura;

Nov. 16: Sai de casa prerarada com sacos e papel para que, ao passear na rua, jardim, praia, se vires lixo, o possas apanhar;

Nov. 17: Escreve uma carta de agradecimento a um autor cujo livro tenha sido uma insiração para ti e envia-a por correio ou e-mail;

Nov. 18: Agradece aos prestadores de serviços e produtores de quem gostas falando deles aos teus amigos, vizinhos e divulgando o seu trabalho nas redes sociais para que possam prosperar;

Nov. 19: Faz um momento de silêncio e agradece todas as coisas boas que recebes da comunidade - na família, na cidade, na região, na escola, no trabalho, nos grupos on-line - em que estás inserida;

Nov. 20: Agradece a uma pessoa que consideres que faz o seu trabalho bem. Pode ser no teu local de trabalho ou em algum sítio onde sejas cliente. Podes agradecer a uma mãe ou pai por estarem a criar uma criança com amor incondicional;

Nov. 21: Mostra a tua gratidão pela Mãe Terra e por tudo o que dela recebes gratuitamente: ar, sol, chuva... incorpora alguns dos seus elementos num altar. Podem ser pedras, plantas, ramos, folhas secas, frutos, cristais, conchas. Mais tarde, podes incorporar estes mesmos elementoos na celebração do advento *. Oferece um minuto de meditação à mãe terra. Se assim o entenderes, junta a tua energia à de milhões de pessoas, em todo o mundo, que meditam diariamente pela sustentabilidade do nosso planeta - http://www.gaiaminute.com/

Nov. 22: Identifica uma qualidade que aprecies em cada uma das pessoas que vais convidar para o teu almoço/ jantar de acção de graças. Se não fizeres jantar de acção de graças, podes criar um ritual próprio em que convidas familia e amigos. O dia de acção de graças é um Sábado, seguramente que nesse fim de semana consegues uns minutos para reunir com quem mais gostas. Cria cartões ilustrativos dessas qualidades e, se tiveres filhos, envolve-os nesse trabalho. Pode ser uma pintura, colagem, desenho...

Nov. 23: Enquanto estiveres a preparar o encontro do fim de semana de acção de graças, relembra as festas e rituais mais significativos em que participaste, relembra tudo o que aprendeste e agradece aos seus organizadores;

Nov. 24: (Dia de Acção de Graças) Antes de começar a comer, agradece as refeições desse dia. Se te for possível, extende este ritual de agradecimento a todas as refeições do ano. Se preparaste uma refeição ou ritual para amigos e familiares, agradece a sua companhia e distribui os cartões que preparaste dia 22. Agradece aos deuses, deusas e seres elementais que estão presentes na celebração, se acreditares em algum.

A maioria das acções de agradecimento que vamos fazer este mês podem ser expensíveis a todos os meses e todos os dias do ano. Entregra-as na tua rotina e contribuirás para um dia-a-dia mais amoroso e pacífico.

Porque é que uma vida de gratidão te pode tornar uma pessoa feliz? - http://zenhabits.net/why-living-a-life-of-gratitude-can-make-you-happy/

Para as mais tecnológicas, apps de  Gratidão para os gadjets:
-
https://play.google.com/store/apps/details?id=no.vistamedia.grattitude&hl=pt_PT


Comunidade em gratidão - http://www.gratitudelog.com/


* Em 2012, o advento começa a 2 de Dezembro. A celebração do advento é a preparação para o renascimento da luz e celebra-se, pela comunidade pagã, até ao solstício de Inverno - a 21 de Dezembro com a deusa Yule - quando a deusa dá à luz o sol e pela comunidade cristã, até à noite de Natal - a 25 de Dezembro - quando a virgem Maria dá à luz Jesus Cristo. Versos de advento por Rudolf Steiner aqui http://yanauma.blogspot.pt/2008/11/steiner-verse-for-advent.html.

Gratidão ♥ *•.¸Paz¸.•♥•.¸Amor¸.•♥•.¸Sabedoria¸♥ •.¸Prazer¸.•♥•.¸Alegria¸.•♥•.¸¸ Vida

3 comments:

  1. Obrigada por este post! Vou linká-lo, tá bem?

    ReplyDelete
  2. Tão bonito, Cátia! Agradeço-te também a ti, que és tantas vezes fonte de inspiração e sempre um lembrete de humanidade no seu melhor. Obrigada, querida!

    ReplyDelete